TESTE BANNER

.

EMPRESAS

Tradutor

quarta-feira, 29 de junho de 2011

Jardim Botânico Amália Hermano Teixeira - Goiânia (GO)

O Jardim Botânico Amália Hermano Teixeira foi inaugurado oficialmente em 1978 e seu nome é uma homenagem a destacada professora e orquidófila goiana. É considerado uma das maiores áreas verdes do município de Goiânia, ocupando cerca de 100 hectares destinados originalmente, como reserva ambiental para preservação do manancial do Córrego Botafogo.

Situado na região sul da cidade, está dividido em três áreas distintas: Na Área I encontra-se a sede do Jardim Botânico; três lagos (sendo um deles reservado para coleção de plantas aquáticas); um anfiteatro ao ar livre; trilhas ecológicas; borboletário; uma extensa área gramada e um moderno centro de visitação e pesquisa.
A Área II é destinada à reserva biológica e possui a vegetação bem preservada. Nesta área funcionam o viveiro de mudas ornamentais e a sede do Programa Amigos do Meio
Ambiente, onde é desenvolvido um trabalho com menores carentes.
Na Área III existe um horto medicinal com cerca de sessenta espécies cultivadas. No local, a Secretaria Municipal de Assistência Social desenvolve um trabalho educativo.
A cobertura vegetal remanescente do Jardim Botânico é composta por uma formação florestal do cerrado do tipo mata de galeria não inundável, constituindo uma
fitofisionomia de grande exuberância no domínio do bioma cerrado.
Para mais informações sobre o Jardim Botânico Amália Hermano Teixeira, acesse os sites:




Ou pelos telefones:
(62)3524-3757 / (62)3524-3758

terça-feira, 21 de junho de 2011

Projeto Amigos da Natureza: Uma parceria que funciona!



O Projeto Amigos da Natureza foi criado com a finalidade de arrecadar recursos para auxiliar na manutenção do Jardim Botânico e possibilitar a realização de outros projetos.
Algumas empresas de sucesso de Bauru e região, já são parceiras do Jardim Botânico e nesse momento, estamos comemorando mais uma importante adesão. A empresa Pires Materiais de Construção é nossa nova parceira.
Estamos muito felizes com a nova participação e pelo interesse de todos em ajudar o Jardim Botânico a ficar cada vez melhor. Seja bem vinda, Pires Materiais de Construção e nosso muito obrigado a todas as empresas participantes!

segunda-feira, 13 de junho de 2011

"Jardim Botânico de Bauru: Uma grande oportunidade na realização de pesquisas." Conheça mais uma pesquisa que vem sendo realizada na área do JBMB.

Conheça a pesquisa que vem sendo realizada pela Bióloga Sabrina A. Joanitti, com o título: “Epifitismo vascular em três formações vegetais distintas: mata de brejo, floresta estacional semidecídua e cerradão, pertencentes ao município de Bauru, estado de São Paulo.”

Poucos são os trabalhos, no Brasil, que foram realizados no cerradão, na floresta estacional semidecídua sem influência fluvial e na floresta estacional semidecídua com influência fluvial permanente (mata de brejo). Formações vegetais estas que ocorrem no município de Bauru e que foram selecionadas como áreas de estudo para o desenvolvimento desta pesquisa. O intuito deste projeto é contribuir para o conhecimento da flora e estrutura epifítica das três formações, analisando a distribuição vertical, as diferenças na composição florística e a existência de flora típica; avaliar o grau de conservação das formações estudadas e indicar ações concretas para a conservação desta biodiversidade. Foram escolhidas para a realização deste trabalho as reservas do Jardim Botânico e da UNESP de Bauru. Confira a entrevista com a Bióloga Sabrina:


terça-feira, 7 de junho de 2011

"Conhecendo os Jardins Botânicos brasileiros": Fundação Zoobotânica de Belo Horizonte (MG)

A Fundação Zoobotânica de Belo Horizonte é formada pelo Jardim Zoológico, pelo Jardim Botânico e pelo Parque Ecológico Francisco Lins do Rego. Criado em 1991, o Jardim Botânico possui uma área de 10 hectares que conserva 1200 espécies de plantas, distribuídas em cinco estufas, sete jardins temáticos, dois lagos e cinco praças. Destacam-se pela coleção de espécies nativas de aráceas e cactáceas, o jardim de folhagens e a estufa da Caatinga.

Fazem parte de seu acervo as coleções de plantas vivas originárias principalmente da Mata Atlântica, do Cerrado e da Caatinga de Minas Gerais. Com um público anual de cerca de 1,5 milhão de visitantes, a Fundação investe em programas educativos para a comunidade e as escolas, visando orientar professores e alunos na aprendizagem e no desfrute saudável de um ambiente rico em belezas naturais e informação.
Confira no site www.pbh.gov.br/zoobotanica e veja que lindo local para se visitar!

....

sexta-feira, 3 de junho de 2011

Jardim Botânico participa da XII Semana Integrada do Meio Ambiente com palestras na Unimed Bauru

Nos dias 30 e 31/05, o Diretor do Jardim Botânico, Luiz Carlos de Almeida Neto e o Biólogo Vinícius Sementili Cardoso, realizaram na Unimed Bauru duas palestras com o tema: “O que você tem feito pelo Meio Ambiente? O Papel do Jardim Botânico Municipal de Bauru na Conservação e Educação”. As palestras fazem parte da programação da XII Semana Integrada do Meio Ambiente de Bauru – SIMAB. Agradecemos o convite para a realização das palestras feito pela Unimed Bauru através da organizadora Tamires.